Publicado em: segunda-feira, 16/07/2012

Gripe A – Escolas no RS antecipam férias por causa da gripe H1N1

Diversas cidades no Rio Grande do Sul optaram pela antecipação das férias escolares em função da grande quantidade de casos de gripe causada pela influenza A (H1N1), mais conhecida como gripe suína. As cidades de Gravataí, Quinze de Novembro, Pejuçara, Santa Bárbara do Sul, São Borja, Boa Vista do Cadeado, Cruz Alta, Alecrim e Condor já optaram pela antecipação do calendário de férias. No entanto, segundo o Ministério da Saúde, não há indicação para que isso seja feito. Em 2009, a suspensão das aulas não foi eficaz e não significou a diminuição da transmissão do vírus. No entanto segundo Tânia Rocha, secretária municipal de Educação de São Borja, as prefeituras possuem autonomia para antecipar o calendário. No caso de São Borja, as férias começariam no dia 23, mas já começaram no dia 9 da semana passada. Essa decisão foi tomada, segundo a secretaria, em função do tempo úmido e frio que facilita o aumento dos casos. Além disso, muitos alunos já estavam faltando às aulas. Tânia disse ainda que as aulas devem voltar no dia 23 de julho.

Falta álcool em gel nas farmácias da região

Este ano não encontramos pessoas com máscaras e o governo não autorizou a suspensão das aulas. No entanto, com o aumento do número de casos da doença, muitas pessoas procuraram as farmácias para comprar álcool em gel. Com o aumento da procura, o estoque do produto já se esgotou em alguns lugares. O médico infectologista Sérgio Penteado, explicou que as pessoas precisam procurar logo um médico para diagnosticar precocemente a doença. Além disso, é importante colocar álcool em gel nos estabelecimentos e colocar cartazes educativos para prevenir a doença. Somente este ano já foram constatadas 95 mortes na região Sul do país, sendo 52 em Santa Catarina, 14 no Paraná e 29 no Rio Grande do Sul. Em 2009, foram 789 mortes pela doença.