Publicado em: sábado, 19/05/2012

Grécia confirma que vai repetir eleição no dia 17 de junho

Neste sábado (19), a Grécia afirmou que fará novas eleições no dia 17 de junho. A decisão acontece após os líderes dos partidos gregos não terem conseguido estabelecer um governo de coalizão. De acordo com um comunicado oficial do Parlamento de Imprensa, o novo Parlamento deverá se reunir no dia 28 de junho.

O comunicado também disse que o presidente, Karolos Papoulias, teria acabado com o parlamento que foi eleito no dia 6 deste mês em apenas dois dias depois que este foi convocado. A data da eleição foi noticiada na semana passada, no entanto ainda não era oficial.

Opositores e apoiadores

O decreto do presidente Karolos Papoulias definiu e oficializou as novas eleições para o próximo dia 17. As eleições que aconteceram no começo deste mês deixou o parlamento dividido entre os que apoiam e os que se opõem ao resgate grego de 130 bilhões de euros. Os líderes dos partidos políticos não conseguem chegar a nenhum acordo.

A necessidade de se realizar uma nova eleição no país gerou incertezas quanto a política, e fez com que muitos acreditem que a Grécia tenha que sair realmente da zona do euro. Depois de os líderes dos partidos gregos não conseguirem formar a coligação, o presidente nomeou Panagiotis Pikrammenos o primeiro-ministro interino.