Publicado em: terça-feira, 04/02/2014

Google pode abandonar linha Nexus

Google pode abandonar linha NexusApós vender a Motorola para os chineses da Lenovo, o Google agora pode estar prestes a se desfazer de outro segmento de smartphones que possui: a linha Nexus. Diversos rumores surgiram na última semana alegando que, a partir de 2015, o Google se dedicará apenas aos aparelhos do segmento Play Edition, que não são lançados pela própria empresa.

No caso do Play Edition, o grande destaque é o sistema operacional. Estes aparelhos são produzidos por diversas outras empresas do setor, mas têm como diferencial a versão pura do Android. Por se tratar de um sistema operacional de código aberto, o Android é livremente modificado pelas fabricantes antes do lançamento de seus modelos. Estas mudanças são, muitas vezes, criticadas pelos usuários, que preferem a versão inalterada do sistema operacional. Apesar de todos os rumores, o Google não se pronunciou sobre o possível fim da linha Nexus.

Multa

O Google também virou notícia nos últimos dias pela multa que recebeu na Coreia do Sul, devido a um caso confirmado de violação de privacidade. A empresa terá de pagar U$194 mil devido à obtenção ilegal de informações sigilosas, incluindo números de cartões de crédito e senhas, enquanto fazia o registro de dados para o Google Street View.

Motorola

Os rumores sobre o fim da linha Nexus já existiam há algum tempo. Contudo, após a venda da Motorola para a Lenovo, as especulações voltaram a ganhar força. A empresa chinesa adquiriu a Motorola por cerca de U$3 bilhões, valor muito abaixo daquele gasto pelo Google para comprar a Motorola em 2012. Na época, a empresa norte-americana desembolsou U$12,5 bilhões para adquirir a Motorola, com esperança de entrar de maneira competitiva no mercado de smartphones, o que não aconteceu.

Ao vender a Motorola, o Google afirmou que a negociação foi feita por uma questão de foco em seus próprios produtos. A empresa, em comunicado, declarou que o mercado de smartphones tem ficado cada vez mais competitivo, o que exigiria uma dedicação que o Google não poderia ter. Devido a este detalhe no comunicado, o fim da linha Nexus começou a ser encarado como uma realidade.

Recursos

A tendência, a partir de agora, é que o Google se dedique apenas ao lançamento de novos recursos para smartphones de outras fabricantes. O sistema de reconhecimento de voz da empresa, conhecido como Google Now, fez muito sucesso no smartphone Moto G, um dos maiores sucessos comerciais da Motorola nos últimos anos.

Apesar do bom número nas vendas do Moto G, e também do Moto X, a Motorola deu prejuízo para o Google. Além do valor de venda, que trouxe um prejuízo próximo aos U$10 bilhões para a empresa, a Motorola tinha causado um prejuízo de cerca de U$190 milhões ao Google em 2012. Somente no último trimestre do ano passado, o prejuízo se aproximou da casa dos U$250 milhões.

A linha Nexus foi criada pelo Google em 2010. Os boatos do fim do Nexus tiveram início com postagens do blogueiro Eldar Murtazin, conhecido por acertar muitas das informações que publica em seu site.