Publicado em: quarta-feira, 21/01/2015

Google investe US$ 1 bilhão na internet espacial

Até pouco tempo, pensar que uma empresa seria capaz de distribuir internet para todo o planeta Terra a partir de um ponto no espaço era apenas uma ideia ambiciosa. Entretanto, em poucos dias, três gigantes do meio da tecnologia passaram a discutir seriamente formas de colocar esse plano em ação. A SpaceX confirmou os rumores desta ideia ambiciosa e anunciou recentemente uma nova rodada para financiar o valor de US$ 1 bilhão para executar o projeto de internet especial, com autoria de Elon Musk.

Para surpresa de muitos, entre os novos investidores nessa ideia ousada está o gigante do motor de buscas, a empresa Google. Estão também envolvidas outras empresas de capital de risco, como Founders Fund, Fidelity, e ainda várias outras. Agora, estes novos investidores são donos de aproximadamente 10% do novo empreendimento capitaneado pela SpaceX. Poucos dias antes desse anuncio de investimento, a empresa do bilionário Richard Branson, a Virgin Group, e também a Qualcomm, já haviam anunciado que iriam investir no projeto OneWeb, proposta muito similar a de Elon Musk, só que desenvolvida por Greg Wyler.Google investe US$ 1 bilhão na internet espacial

Estas apostas de grandes empresas no projeto fazem de Richard Branson e Elon Musk os pioneiros no que se refere a internet espacial. O interesse tem relação com o fato de que eles já possuem empresas privadas na exploração espacial, como a SpaceX e a Virgin Galactic, de forma que levar satélite aos espaço para conseguir fornecer internet será um processo bem mais facilitado. Além disso, a internet espacial pode ser futuramente a úncia forma de conseguir oferecer acesso para bilhões de pessoas na Terra sem que seja necessário a construção de infraestrutura terrestre, com o bônus de render as proprietários uma fortuna.

Quem tem mais experiência com internet espacial?

Nessa briga de gigantes, tanto a OneWeb quanto a SpaceX já provaram que tem condições de enviar coisas para o espaço. Não faz nem um ano que a SpaceX lançou em órbita um foguete Falcon 9, equipado com um sistema de transferência de arquivos da agência espacial canadense, o Cassiope. A OneWeb tem a vantagem de ter mais experiência no ramo da internet especial, já que começaram a trabalhar com isso em 2007, lançando satélites em órbita tanto em 2013 como em 2014, com velocidades de até 2,1 Mbps.