Publicado em: terça-feira, 09/07/2013

Google corrigiu o bug que afetava 99% dos Androids

Google corrigiu o bug que afetava 99% dos AndroidsA equipe da empresa Bluebox Labs fez um alerta a respeito de uma grande falha na plataforma Android na sua versão um pouco mais antiga, esta falha era capaz de afetar 99% dos dispositivos móveis que estavam em uso apenas com o uso de um sistema instalado através de aplicativos, por exemplo.

O gigante Google ao saber do bug em seu sistema rapidamente agiu e providenciou uma resolução e correção imediata deste problema, embora já tenha feito a liberação do sistema de correção, o smartphone ou tablet pode demorar para receber o arquivo ainda.

O bug, para quem não sabe, causava uma falha onde tornava possível que APK, que é um tipo de arquivo em formato de instalador de aplicativos pudesse sofrer alterações sem fazer modificações em sua assinatura criptográfica, o que garante, em tese, que um app tem integridade. Este bug poderia ser usado para aplicar no aparelho um código malicioso, chamado popularmente de malware e com a permanência da assinatura nem o usuário e nem o Google teriam muita dificuldade em tomar conhecimento da presença do erro na plataforma Android.

Gina Scigliano, a gerente de comunicações do Android falou em nome do Google que esta correção realiada do problema foi feita e direcionada a todos os fabricantes. Talvez seja aqui que se encontra o problema, agora depende das operadoras enviarem aos usuários de Android a solução, de acordo com a Samsung para aqueles que tem o Galaxy S 4, estão com liberação as soluções do Google, porém, parece que esta empresa é exessao. O Nexus 4 não atualizado e nem um outro ainda.

A falha que já existe há cerca de quatro anos, desde o lançamento do Android 1.6, apelidado de Donut, não chegou a ser explorada nunca e os usuários que usam somente o Google Play que conta com diversas camadas com proteções, por exemplo o Bouncer não correm este risco.