Publicado em: quarta-feira, 29/01/2014

Goiás contrata meia Carlos Alberto para a temporada 2014

Goiás contrata meia Carlos Alberto O Goiás anunciou na manhã desta terça-feira (28), a contratação do meia Carlos Alberto para a temporada 2014. Aos 29 anos de idade, o jogador assinou contrato de um ano com o clube e terá a possibilidade de renovar o acordo por mais uma temporada. O atleta já foi aprovado nos exames médicos realizados na Serrinha e será apresentado no Centro de Treinamento no Parque Anhanguera, pelo presidente do Esmeraldino, Dr. Sérgio Rassi.

Descoberto pelo Fluminense, Carlos Alberto teve como auge na carreira sua passagem pelo Porto, de Portugal, quando conquistou a Liga dos Campeões da Europa na temporada 2003/04. O meio-campista ainda atuou em outros grandes times, como o Vasco da Gama, Corinthians, Botafogo, São Paulo, Grêmio e Bahia.

Carlos Alberto chega ao Goiás após ficar um grande período afastado do futebol. Em abril do ano passado, o jogador foi pego no exame antidoping pelo uso das substâncias hidroclorotiazida e carboxi-tamoxífeno, quando defendia o Vasco, em jogo válido pelo Campeonato Carioca, contra seu ex-clube, o Fluminense.

A princípio, o atleta foi absolvido pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ), mas posteriormente, foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no mês de agosto. Entretanto, houve uma reviravolta no caso de Carlos Alberto. A Fifa pediu ao CAS (Corte Arbitral do Esporte), a absolvição do meia, pois o laudo não mostrou a hidroclorotiazida e a carboxi-tamoxífeno, em análise laboratorial feita no Rio de Janeiro.

Meio-campista não atua desde o primeiro semestre do ano passado

A última vez que Carlos Alberto entrou em campo foi durante o empate do Vasco com o Bahia por 1 a 1, em São Januário, no dia 8 de junho, em partida válida pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro de 2013. Naquela ocasião, inclusive, o meio-campista marcou o gol do Cruz-maltino, em cobrança de pênalti. O contrato com o clube carioca foi encerrado no dia 2 de agosto, e não foi renovado.