Publicado em: quinta-feira, 03/01/2013

Glória Perez comete gafe em “Salve Jorge”

Glória Perez comete gafe em “Salve Jorge”A autora da novela precisou se explicar sobre o erro que cometeu ao escrever uma das cenas. Na trama, o advogado Haroldo interpretado por Otaviano Costa está suspeitando que Morena, papel de Nanda Costa, instalou uma câmera escondida em seu escritório. Por conta disso, ele avisa Stênio, personagem do ator Alexandre Nero, que vai chamar a moça para depor.

Como Morena está no exterior, Haroldo afirma que teria que pedir um depoimento por “precatória”. Depois dessa cena ter ido ao ar, alguns advogados entraram em contato com a autora para informa-la que este termo não estaria correto do erro. Glória Perez se aprofundou no assunto e admitiu o erro de informação. Ela publicou em sua página no Twitter que os advogados tinham toda a razão. O termo precatória é usado quando o depoimento é feito entre estados. Já a rogatória que se refere ao depoimento entre países, que foi o caso da personagem Morena. Glória colocou a frase “comi mosca” nas redes sociais.

No Código de Processo Civil explica que o depoimento pessoal é prestado no juízo em que corre a ação. Dessa maneira, seria o Brasil. Mas, quando a parte reside fora dos limites e forem elevados os custos de deslocamento, ela poderá prestar seu depoimento por meio de carta rogatória. Seria o que Morena precisaria fazer já que a personagem está residindo na Turquia.