Publicado em: segunda-feira, 19/11/2012

Ganso estreia, mas São Paulo recorre a veteranos para vencer o Náutico

Ganso estreia, mas São Paulo recorre a veteranos para vencer o NáuticoCom mais de 62 mil pessoas no Morumbi, o recorde de público da edição 2012 do Campeonato Brasileiro, o São Paulo precisou suar a camisa para virar a partida contra o Náutico e vencer por 2 x 1 na estreia oficial de Paulo Henrique Ganso com a camisa do Tricolor. A partida foi válida pela 36ª rodada da competição nacional.

Com o resultado, o São Paulo foi para 62 pontos ganhos e assegurou matematicamente o quarto lugar do Brasileiro e, pelo menos, uma vaga na próxima pré-Libertadores já que o Botafogo foi derrotado pelo Sport fora de casa. Já o Náutico se manteve com 45 pontos e ainda tem chances matemáticas de ser rebaixado, mas fato pouco provável de acontecer na prática.

A partida começou com amplo domínio do São Paulo, mas a principal estrela do dia estava no banco de reservas. Mesmo assim, com o time ideal, o São Paulo foi para cima e criou as melhores chances, só que as conclusões não foram muito boas e a primeira etapa terminou empatada em 0 x 0.

Na segunda etapa, a primeira substituição do São Paulo não foi a entrada de Ganso. Tóloi sentiu o tornozelo e saiu para a entrada de Edson Silva. Pouco tempo depois o Náutico abriu o placar em bela cobrança de falta d e Sousa. Com o gol do Timbu, finalmente o camisa 8 entrou em campo e já deu sorte: seis minutos depois Osvaldo fez boa jogada e cruzou na medida para Luís Fabiano completar para o gol aos nove minutos. A virada do tricolor veio dos pés de Rogério Ceni. Lucas fez linda jogada e tocou para Luís Fabiano que acabou sendo derrubado na área. Na cobrança de pênalti, o goleiro artilheiro mostrou a calma e categoria de sempre e deu números finais ao jogo.