Publicado em: quarta-feira, 14/04/2010

Fusão entre Pão de Açúcar e Casas Bahia é reavaliada

Uma das fusões de maior repercussão na economia brasileira nos últimos anos ainda está sob avaliação e pode não acontecer.

A junção das marcas Pão de Açúcar, gigante do ramo dos supermercados, com as Casas Bahia, foi confirmada ainda no ano passado, por ambas as partes, mas no início da semana os sócios de Samuel Klein (proprietário das Casas Bahia) informaram que ainda estão avaliando a fusão.

A notícia provocou a queda nas ações do Pão de Açúcar, na terça-feira (13). Entretanto, representantes de Abílio Diniz (dono do grupo Pão de Açúcar), tentando acalmar os ânimos do mercado, garantiram a concretização da fusão.

Com a união das duas empresas, prometida para ser oficializada ainda no primeiro semestre, passaria a ser formado o maior grupo do varejo no Brasil, cujo faturamento anual ultrapassaria a marca de R$ 15 bilhões.