Publicado em: quarta-feira, 02/04/2014

“Frozen: Uma Aventura Congelante”, se torna a animação com maior bilheteria dos últimos tempos

“Frozen: Uma Aventura Congelante”, se torna a animação com maior bilheteria dos últimos temposO filme vencedor do Oscar, “Frozen: Uma Aventura Congelante”, foi oficialmente declarado como a animação com a maior bilheteria dos últimos tempos, sendo gerado a marca de um bilhão de dólares em apenas um fim de semana de estreia no Japão.

A comédia musical da Disney, gerou US$ 1.072 bilhão em todo o mundo, US$ 398 milhões nos Estados Unidos e US$ 674 milhões internacionalmente. Frozen conseguiu derrubar Toy Story 3, que havia alcançado US$ 1.063 bilhão.

O longa que foi dirigido por Chris Buck e Jennifer Lee, surpreende os diretores até hoje pelo sucesso adquirido, o filme foi baseado no livro “The Snow Queen”, de Hans Christian Anderson, teve sua estreia nos Estados Unidos em novembro de 2013 e foi lançado em DVD e Blu-Ray no início do mês passado.

Além de toda popularidade que o filme fez tendo um grande número de pessoas que assistiram, o longa ainda recebeu críticas positivas, assim como a classificação de três estrelas, dada por Peter Travers, da revista Rolling Stones EUA, também garantiu os prêmios de Melhor Animação e Canção Original – “Let it Go” – no Oscar deste ano.

A trilha sonora também fez sucesso e atingiu o topo em vendas por sete semanas, mesmo com o mercado passando por um ano difícil em vendas de discos. De acordo com Glen Brunman, ex-chefe da unidade de trilhas sonoras da Sony Music, em uma entrevista dada à Rolling Stone EUA, quando um musical rende um bilhão de dólares internacionalmente e conta com um disco inspirador, por que deveríamos ficar surpresos? questiona ele. Ele também afirma que, mesmo em 2014 quando as vendas de trilhas sonoras estão começando a lembrar as pessoas de uma época que já passou.

Longo tempo

Segundo foi noticiado pela Rolling Stone EUA, todo o sucesso de Frozen não foi do dia para a noite e sim, um processo longo, que foi planejado por muito tempo pela Disney, tanto que como forma de teste, foi lançado dois meses antes da estreia do filme, uma versão de “Let it Go”, cantada por Demi Lovato.

O presidente do Disney Music Group, Ken Brunt, conta que não quis lançar de cara um clipe do filme, por isso optou pela ideia de lançar a versão de Demi e depois seguir com a de Idina Mendel. Porém, é uma música pop inusitada para as rádios. “Nós trabalhamos nela por um tempo, mas as rádios perceberam que a música era incontestável”, finaliza.