Publicado em: terça-feira, 08/04/2014

Fórmula 1: Massa e Bottas creem em falha no desgaste de pneus da Williams

Fórmula 1: Massa e Bottas creem em falha no desgaste de pneus da WilliamsSétimo e oitavo colocados no Grande Prêmio do Bahrein realizado no último domingo (6), respectivamente, Felipe Massa e Valtteri Bottas apontaram o desgaste de pneus como o ponto falho da equipe Williams no início da temporada 2014 da Fórmula 1.

Na opinião dos pilotos, a equipe britânica precisa fazer somente duas paradas nos boxes durante as corridas para alcançar melhores resultados.

Segundo os pilotos, o desgaste dos pneus traseiros do FW36 é o maior problema da escuderia neste momento. De acordo com Massa, a Williams conseguiu brigar por posições com a Force India, que acabou com o terceiro e quinto lugares, entretanto, a diferença é que a equipe rival conseguiu terminar a prova com apenas dois pit stops, ao contrário do time de Grove, que teve três paradas.

Bottas concordou com o brasileiro e disse que o desgaste dos pneus traseiros foi maior do que o esperado, e que a sua estratégia inicial era de fazer somente duas paradas nos boxes. O finlandês ressaltou ainda que os carros da Force India tinham mais tração após os fins das curvas, em relação às Williams.

Brigando por melhores colocações, Massa e Bottas não puderam alcançar o mexicano Sérgio Pérez e o alemão Nico Hulkenberg, que acabaram economizando pneus por causa do safety car, após o acidente envolvendo o venezuelano Pastor Maldonado, da Lotus, e o outro mexicano, Esteban Gutiérrez, da Sauber.

Smedley exalta resultado da Williams no Bahrein e crê em mais problemas nos carros

Chefe de Performance de Veículo da Williams, o inglês Rob Smedley crê que o problema aerodinâmico nos pneus da equipe não é o único problema. Para o britânico, o resultado no GP do Bahrein foi de razoável para bom, apesar dos erros.

A próxima etapa da Fórmula 1 será o Grande Prêmio da China, que será realizado no dia 20 de abril, a partir das 4 horas da madrugada (horário de Brasília).