Publicado em: quarta-feira, 04/07/2012

Fórmula-1 – Maria de Villota é submetida a cirurgia

A piloto espanhola Maria de Villota foi submetida a uma cirurgia na manhã desta quarta-feira (04). Foi a terceira operação que a corredora teve de enfrentar após o grave acidente que sofreu na terça-feira, durante testes aerodinâmicos da equipe de Fórmula-1 Marussia.

Na noite de terça-feira Maria passou por duas cirurgias e reagiu positivamente, tendo, inclusive, conversado com sua família, No entanto, nas horas seguintes, teve de passar por outro procedimento por conta de lesões cerebrais. A família da piloto preferiu não se comunicar, e um comunicado da equipe russa informou que Maria acabou perdendo a visão do olho direito.

A piloto de 32 anos segue internada em um hospital de Cambridge, próximo a Londres, onde deve seguir se recuperando pelos próximos dias. De acordo com a imprensa espanhola, a piloto ainda necessita de cuidados por conta das lesões no crânio, e não há uma previsão de alta, bem como não estariam descartadas outras cirurgias.

Maria de Villota realizava um teste aerodinâmico na pista do aeroporto de Duxford, próximo a Londres, e em determinado momento a espanhola acabou se chocando contra um caminhão da própria Marussia. De acordo com os presentes, a piloto teria acelerado repentinamente e não conseguiu desviar do veículo que estava estacionado.

Um jornalista da BBC acompanhava a sessão de testes e relatou que a colisão foi bastante forte, impressionando a todos. Chris Mann ainda descreveu que o choque fez com que Maria de Villota permanecesse cerca de 15 minutos sem se mexer, e que a equipe de socorro teria levado mais de uma hora para conseguir tirar a piloto do monoposto.