Publicado em: sexta-feira, 14/10/2011

Fluxo cambial chega a marca de US$ 72 bilhões

O Banco Central divulgou nesta quinta-feira (13) o boletim aonde apresenta o balanço do fluxo cambial, que analisa a movimentação de dólares no mercado brasileiro. Desde o começo deste ano, o salto é de US$ 71,756 bilhões. No mesmo período do ano passado, o saldo era de US$ 19,584 bilhões. Dessa forma, o total já conseguiu triplicar.

Na primeira semana de outubro, o fluxo conseguiu movimentar e ter em saldo US$ 3,458 bilhões. A movimentação comercial demonstra que o fluxo financeiro conseguiu o superávit de US$ 1,625 bilhões e o salto é deus$ 1,833 bilhões neste período.

O país conseguiu registrar um saldo expressivo graças ao balanço dos saltos de transações comerciais, que ficaram em US$ 39,705 bilhões e também do fluxo financeiro que foi de US$ 32,051 bilhões.

Desde o começo deste ano, o país conseguiu registrar uma maior entrada da moeda através do novo aumento de tributos sobre os Impostos sobre Operações Financeiros (IOF) aplicado em empréstimos externos, como forma de conseguir conter a crescente queda da moeda no país. o único mês que apresentou uma entrada menor foi o de junho, que teve o déficit de US$ 2,556 bilhões.

Outra atividade que influenciou bastante a elevação do saldo cambial foram os investidores estrangeiros que tiveram as suas atenções voltadas as empresas brasileiras e conseguiram utilizar as altas taxas de juros para registrar US$ 15,825 bilhões no país, em agosto. Nos demais meses, o investimentos prosseguiram mas em taxas menores devido a instabilidade do cenário econômico mundial.