Publicado em: sábado, 14/03/2015

Filipe Toledo é campeão de surf na Austrália

O brasileiro Filipe Toledo foi destaque na última semana, ao sagrar-se campeão na etapa de Gold Coast, na Austrália, sendo o mais jovem surfista a conquistar sua primeira final na elite do surfe mundial. Com apenas 19 anos, o caçula brasileiro obteve nota 10 em sua performance. O jovem Filipe conseguiu vencer o favorito australiano Julian Wilson. Após o resultado, ele fez festa com a torcida brasileira que estava acompanhando a disputa na praia de Snapper Rocks. O brasileiro não deixou seu estilo de lado na competição e se apresentou com aéreos intensos, rasgadas e manobras agressivas. Ele conquistou duas notas muito altas, incluindo a avaliação de uma onda perfeita, dominando o favorito na final. O brasileiro alcançou 19,60 (10,00+9,60), superando os 14,70 de Wilson.

Filipe afirmou que essa foi uma das melhores vitórias que havia alcançado em sua vida, sendo a primeira no WSL. Ele ainda declarou que terminar a bateria alcançando nota dez, sendo assistido por sua família, amigos e ainda uma grande torcida brasileira, foi a melhor conquista que poderia alcançar. Ele também agradeceu a Deus pela força que recebeu ao longo da semana. Ele ainda afirmou ter contado com essa inspiração para definir a prancha a usar, as ondas certas e também a ficar tranquilo durante a disputa. Filipe manteve a mesma estratégia, desde o início até o fim da etapa, pegando o maior número possível de ondas para conseguir ganhar confiança.Filipe Toledo é campeão de surf na Austrália

A mesma estratégia foi usada durante a final. Já durante os 10 minutos da bateria, Filipe havia descido seis ondas, conseguindo realizar boas manobras. Isso acabou fazendo com que Wilson, que costuma ser mais seletivo com suas ondas, ficasse pressionado na competição. Filipe também já havia conquistado no ano passado o primeiro lugar da Divisão de Acesso (WQS). Ele é filho também de surfista, o bicampeão Ricardo Toledo. A família toda se mudou para San Clemente, cidade nos Estados Unidos, onde o jovem surfista pode evoluir sua técnica. A Liga Mundial de Surfe continua na Austrália para a realização de outras duas etapas do circuito.