Publicado em: segunda-feira, 23/04/2012

Filho de Leonardo tem parada cardíaca

Por volta das 4h desta segunda-feira (23). o cantor Pedro, filho do sertanejo Leonardo, sofreu uma parada cardíaca com duração de seis minutos, de acordo com as informações de Ede Cury, assessora de Leonardo. Segundo ela, o jovem estava em um quadro estável já em torno das 6h30 desta segunda. Durante a tarde de domingo (22), ele teria tido ainda uma disritmia cardíaca. Com isso, a família do canto cogita transferi-lo até um hospital na cidade de São Paulo.

Em entrevista coletiva no domingo, a equipe médica responsável por atender o cantor confirmou que o artista apresentou uma piora clínica em seu estado de saúde. Pedro, dupla de seu primo Thiago, permanece em coma induzido desde a última sexta-feira (20), quando sofreu um acidente de carro perto da divisa entre Goiás e Minas Gerais. A piora no estado de Pedro já era prevista pelos médicos, pois é um caso grave e ele ainda estava dentro das 72 horas consideradas críticas.

Ainda na entrevista coletiva, a equipe médica disse que não há data prevista para que ele saia do coma induzido. Segundo a neurologista Edilene Guiotti, o tempo será o elemento fundamental para a evolução do cantor, mas datas não podem ser previstas porque ainda não há condições clínicas de acordá-lo. A resposta do que deverá ser feito partirá do que Pedro responder ao tratamento. Os médicos informaram também que o jovem possui trauma ortopédico, pulmonar, abdominal e do crânio.

Segundo esclarecimentos do assessor de Leonardo, Marcelo Borges, o cantor já voltou para Goiânia e cancelou todos shows que realizaria no próximo fim de semana. O assessor garantiu que apesar de estar apreensiva, a família está confiante no tratamento. A hipótese de que Pedro tenha bebido depois do show que fez em Uberlândia, Minas Gerais, na quinta-feira (19), foi descartada. Pedro estava em um tratamento para emagrecer e não ingeria bebida alcoólica há dois meses. A possibilidade mais provável é de que o rapaz tenha dormido ao volante. Pedro não costuma dirigir sozinho depois de shows e geralmente viajava acompanhado da equipe.