Publicado em: quinta-feira, 20/12/2012

FHC diz que royalties não deveriam ser investidos apenas na educação

FHC diz que royalties não deveriam ser investidos apenas na educaçãoNa proposta de divisão de royalties vindos da produção do petróleo é previsto que a totalidade de recursos vão ter que ser investidos em educação. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso informou nesta quarta-feira que discorda disto, segundo ele, a grande parte destes royalties deve ser utilizada na educação, mas também em outras áreas que ele afirma serem vitais para que o Brasil se desenvolva.

Fernando Henrique disse depois de participar de um almoço na Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) que acredita que a educação não poderá ser resolvida apenas com dinheiro, porém é necessário dinheiro. Ele ainda falou que não é favorável de que todo o dinheiro seja utilizado na educação, e sim uma grande parte. Segundo FHC, os royalties são ótimos para que o futuro seja projetado, e no futuro envolve-se a educação, mas também é envolvido o meio ambiente, a ciência e a tecnologia.

O ex-presidente disse ser contrário à que exista presenças de iniciativas privadas na educação. Ele fez apelação para que o Brasil retorne aos grandes debates para que o futuro seja planejado, e afirmou que educação não pode ser resolvida com privatizações.

FHC fez a defesa de que o conteúdo que é ensinado em escolas passe por revisões. Conforme o sociólogo, mesmo com resistência de maneira inicial por professores, alunos e pais, é necessário que a ideia seja levada em sequência.

Ele questiona se o que é ensinado é mesmo o que as pessoas gostariam de saber. Ele ainda faz a pergunta se não é necessário que ocorra uma reforma com maior profundidade, havendo uma revolução em todo o conteúdo e na forma como ele é ensinado. Porém segundo ele, isto vai enfrentar sindicatos, os pais e alunos não irão compreender, por isso é necessário que ocorram debates, pois ninguém saberá qual é o rumo que devemos levar para que ocorram alterações mais profundas.