Publicado em: segunda-feira, 09/01/2012

Fernando Bezerra garante que tem apoio de Dilma e promete explicações ao Congresso

Nesta segunda-feira (9), o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, afirmou que possui o apoio de Dilma Rousseff para criar ações no comando da pasta. Mesmo tendo sido citado em reportagem da Folha de S. Paulo como o responsável por levar em conta motivos políticos para distribuir recursos aos municípios atingidos pelas chuvas, o ministro disse que a presidente confia nele e já disse que pedirá ao presidente do Senado, José Sarney, para que o convoque a dar explicações sobre os critérios que levou em conta para distribuir o dinheiro do governo federal para cidades atingidas pelas chuvas.

Na semana passada, o PPS protocolou um pedido no Congresso Nacional onde pedia a convocação da Comissão Representativa da Casa, para que os efeitos das chuvas fossem discutidos, além do debate sobre a distribuição de recursos do governo federal para as cidades mais prejudicadas.

O ministro da Integração disse que entrou em contato com Sarney e pediu que fosse convocado para dar explicações diante da Comissão Representativa do Congresso Nacional na próxima quarta-feira (11), onde ele terá a oportunidade de dar sua explicação e tirar todas as dúvidas sobre a gestão dos recursos da Defesa Civil.

Bezerra disse que não favoreceu o estado de Pernambuco, onde mantém base eleitoral, quando direcionou os recursos do ministério para prevenção de desastres naturais. De acordo com o ministro, este foi o estado que mais apresentou projetos. Bezerra foi alvo de denúncias na semana passada sobre supostamente ter favorecido Pernambuco com recursos da pasta, quando o estado que possuía mais cidades em estado de alerta era o Rio de Janeiro.