Publicado em: quarta-feira, 19/02/2014

Felipão aposta no hexacampeonato e provoca rival antes da Copa de 2014

Felipão provoca rival antes da Copa de 2014Campeão do mundo em 2002 no comando da Seleção Brasileira, o técnico Luiz Felipe Scolari pode conquistar seu bicampeonato, o sexto da história do País, na Copa do Mundo de 2014. Durante o evento publicitário “Movimento Por Um Futebol Melhor”, realizado na última segunda-feira (17), em São Paulo, o treinador provocou os rivais e prometeu o hexacampeonato ao Brasil.

Felipão foi perguntado pelos apresentadores do evento, Galvão Bueno e Mônina Waldvogel, se sente pressionado pelo título do Mundial deste ano, e em tom de brincadeira, respondeu que não, pois continuaria sendo o último treinador campeão pela Seleção Brasileira, em referência ao título vencido na Copa da Coreia do Sul e do Japão. Para o comandante, a cada dia, ele está mais confiante na conquista.

Sobre o planejamento para a Copa do Mundo, Felipão ressaltou o trabalho feito ao lado do coordenador-técnico, Carlos Alberto Parreira, também campeão do mundo pela Seleção Brasileira como treinador, em 1994, na Copa dos Estados Unidos. Scolari conta que tudo está sendo seguido conforme o planejado desde a sua chegada à Seleção, em novembro de 2012.

Ao completar sua resposta, Felipão foi irônico lembrando que há seleções que se sentem favoritas, mesmo com ‘apenas um título mundial’, em alusão à Espanha, atual vencedora da Copa de 2014. Indagado se estava falando da Fúria, o comandante desconversou.

Treinador da Seleção Brasileira aposta no ‘fator torcida’ para conquistar o hexa

Atual campeão da Copa das Confederações, também disputada em casa, no ano passado, o Brasil venceu a própria Seleção Espanhola na decisão, no Estádio do Maracanã, por 3 a 0, com direito à grande festa dos torcedores. Assim como foi naquele torneio, Felipão crê que o time verde e amarelo levará vantagem em relação aos rivais, pois contará com seu ‘12º jogador’, a torcida, em todos os confrontos.