Publicado em: segunda-feira, 05/11/2012

Fátima Bernardes revela como conseguiu perder 6 kg

Fátima Bernardes revela como conseguiu perder 6 kgFátima Bernardes é uma das mais reconhecidas jornalistas brasileiras. No ano passado, ela deixou o comando do Jornal Nacional e começou a se focar num novo projeto: o seu programa de entrevistas matinal. A virada aconteceu aos 50 anos de idade e acabou se refletindo em outras esferas da vida da jornalista, inclusive a estética. Seis quilos mais magra, Fátima conta como conseguiu perder esse peso sem fazer cirurgia plástica.

A decisão de emagrecer aconteceu logo que Fátima saiu do Jornal Nacional. Ela comentou que, nos últimos dois anos, acabou ganhando alguns quilos e que não prestou atenção nisso porque estava decidindo o rumo de sua carreira, já que ela queria sair do Jornal Nacional. Na reta final, quando ela decidiu se afastar do telejornal, a jornalista disse que ficou muito ansiosa e que isso, obviamente, refletiu na estética. Então, assim que assumiu o compromisso de ter seu programa matinal também resolveu que seria necessário emagrecer.

Para perder os 6 kg, Fátima contou com a ajuda de uma nutricionista, já que o metabolismo do organismo aos 50 anos é muito diferente e mais lento do que o de uma mulher jovem. A jornalista explicou que queria fazer uma reeducação alimentar e que poderia modificar ou diminuir alguns alimentos, mas que não estava disposta a fazer dieta. Além disso, no mês em que Fátima perdeu somente 500 g, ela diz não ter se assustado, assumido a culpa e decidido que precisava levar a sério a reeducação alimentar sem desanimar.

Depois que emagreceu, Fátima ainda disse que foi alvo de perguntas sobre qual cirurgia estética ela tinha feito. A jornalista explicou que nunca retocou nada no corpo e que faz exercícios há 15 anos, já que se sente bem em todos os sentidos de sua vida depois de praticar atividades físicas. Por último, a jornalista destacou que nunca mentiu sobre os procedimentos estéticos que faz e também sobre sua idade, porque acredita que agir de forma diferente ajuda a reforçar um preconceito.