Publicado em: segunda-feira, 16/04/2012

F1: equipes terão segurança reforçada durante GP do Bahrein

Depois da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) confirmar a realização do GP de Bahrein de Fórmula-1, as equipes da principal categoria do automobilismo mundial terão segurança reforçada no país árabe.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, informou no último domingo (15), após o GP da China, que é ‘inevitável’ que se tomem medidas de precaução para seus pilotos e funcionários das equipes enquanto eles estiverem no Bahrein.

A realização do GP do Bahrein ficou ameaçada, por conta dos constantes distúrbios nas ruas e a violenta repressão do governo local contra os manifestantes. Especulou-se que a corrida seria cancelada, justamente porque as equipes não se sentiriam seguras no país árabe.

Esta não é a primeira vez que as escuderias adotam esquemas especiais de segurança para corridas fora da Europa. No ano passado, como medida de precaução contra eventuais atentados terroristas, as equipes disponibilizaram de um esquema especial durante o GP da Índia.