Publicado em: segunda-feira, 30/07/2012

Exames em mulheres ajudam a detectar os miomas

Exames em mulheres ajudam a detectar os miomasA forma mais fácil de detectar a presença de miomas nas mulheres é por meio da visita periódica anual que deve ser feita ao ginecologista. Embora possa ser uma consulta desconfortável, essa é a maneira mais comum de evitar que um mioma venha a se transformar em um tumor e provocar riscos à saúde. Esse problema é encontrado em pelo menos 80% das mulheres entre 18 e 40 anos. O maior problema é que o mioma aparece sem que seja detectado qualquer sintoma no corpo. E em função disso cera de 60 das portadoras não sabem da existência do tumor, diz Nilo Bozzini, médico responsável pelo Ambulatório de Mioma Uterino da Clínica de Ginecologia do Hospital das Clínicas. Segundo ele, esses dados indicam que as mulheres não têm ido regularmente ao ginecologista, pois a ida regular ao médico ajuda a detectar o problema ainda em sua fase inicial. O médico ressalta ainda que esse é um problema que acomete grande parte das mulheres e que não é necessário sofrer com a notícia. É possível tratar por meio de remédios e o mioma diminui de tamanho, sem prejudicar a mulher. Há casos ainda, segundo ele, que não há necessidade de mexer no tumor, no entanto, quando o caso é mais grave, ou não foi detectado no início, é preciso intervenção cirúrgica.

Medicamentos são mais usados que cirurgia, segundo médico

Segundo o especialista, são poucos os casos em que as mulheres fazem a retirada do útero. Normalmente isso só é feito quando ela não pretende ter mais filhos ou já não está mais na idade fértil. Os demais casos são tratados por meio de medicamentos que ajudam a reduzir o tamanho do mioma. Bozzini alertou que cada mulher terá um tratamento específico de acordo com sua situação.