Publicado em: sexta-feira, 09/12/2011

Exame da Ordem: criada comissão que deve jugar recursos

Nesta quinta-feira (8), o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil do Ceará (OAB-CE), Vadetário Andrade Monteiro foi nomeado como coordenados da banca que deve analisar todos os recursos que foram enviados contra a correção das provas da segunda etapa do V Exame Integrado da OAB. A prova foi aplicada no último domingo (4). A banca deve se reunir nesta sexta-feira (9) e sábado (10) para avaliar os recursos.

Após o encerramento da prova do domingo, a Fundação Getúlio Vargas (FGV) disse que havia detectado um erro na prova que foi aplicada para 50 mil bacharéis em direito. Segundo a nota que foi divulgada pela FGV, existem erros nas provas de direito constituição e direito penal.

A reunião dos membros da banca de avaliação do concurso se reúnem no Rio de Janeiro para criar um espelho de correção das provas e discutir se os recursos enviados pelos candidatos são condizentes. A aprovação do exame é necessária para que os bacharéis possuam atuar como advogados.

De acordo com Monteiro, a banca é fundamental para a análise das questões, uma vez que o exame é considerado um dos mais difíceis do país. “Nós, presidentes de OAB, temos de ter muita responsabilidade com o Exame de Ordem”, disse o presidente.