Publicado em: quinta-feira, 10/11/2011

Ex-presidente do Banco Central Europeu é nomeado primeiro ministro da Grécia

Lucas Papademos, ex-presidente do Banco Central Europeu (BCE), de 64 anos, foi nomeado hoje (10) o novo primeiro-ministro de união nacional na Grécia. As informações são do gabinete da presidência. O novo primeiro ministro deve realizar o juramento oficial e assumir o governo na manhã de sexta-feira (11).

Por sua experiência financeira, o ex-presidente tem uma boa reputação internacional e é visto por muitos como um homem capaz de tirar a Grécia de sua pior crise econômica do período pós-guerra.

As primeiras declarações públicas de Papademos, após ser nomeado como próximo premiê, ele pediu a para que todos os gregos contribuam para resolver os enormes problemas que a Grécia vem enfrentando, caracterizado como ‘uma encruzilhada crucial’ a ser superada.

Ao comentar sobre os problemas, Papademos afirmou que “a economia grega está enfrentando enormes problemas apesar dos esforços realizados”. E ainda completou: “As escolhas que nós faremos serão decisivas para o povo grego. O caminho não será fácil, mas eu estou convencido de que os problemas serão resolvidos mais rápido e a um custo menor se houver união, compreensão e prudência”.