Publicado em: segunda-feira, 10/10/2011

Ex-baixista encontrado morto havia escrito no Twitter que precisava fazer seu testamento

Mikey Welsh, ex-baixista do Weezer, havia sonhado com a própria morte antes de ser encontrado num hotel em Chigado sem vida, no sábado, dia 8 de outubro. No dia 26 de setembro, o músico escreveu em sua conta no Twitter que havia sonhado que tinha morreu de um ataque cardíaco e precisava escrever um testamento.

De acordo com a revista “Rolling Stone”, o corpo de Mikey foi encontrado por um funcionário após notarem que o músico não havia realizado o check out no horário marcado. As causas do falecimento não foram estabelecidas ainda. As autoridades acreditam que tenha sido overdose de drogas.

Os seguidores do ex-baixista no Twitter encheram o site com mensagens. A antiga banda, o Weezer, também comentou o fato, afirmando que todos estavam tristes com a perda do amigo. Ele estreou ao vivo na banda em 2000 e gravou o “Green album”. Foi o único álbum que gravou com a banda.

Ele abandonou o Weezer pois sofria de problemas de saúde mental e ataques nervosos. Passou por um tratamento psiquiátrico, em agosto de 2011, depois de tentar se matar. Welsh estava calmo, dedicando seu tempo a pintura. Um de seus últimos trabalhos foi a capa do CD da banda Twin Berlim.