Publicado em: segunda-feira, 19/12/2011

Ex-árbitro é preso acusado de cobrar propina

O ex-árbitro Djalma Beltrami foi preso na manhã desta segunda-feira (19), sob acusação de cobrar e receber propina de traficantes do Morro da Coruja, no Rio de Janeiro. Beltrami era Comandante do 7º Comando da Polícia Militar de São Gonçalo, no Rio.

A prisão ocorreu durante a operação ‘Dezembro Negro’, comandada pela Polícia Civil, em conjunto com a Corregedoria Geral Unificada, e obedeceu a mais de vinte mandados de prisão, contra policiais e traficantes, acusados de participarem do esquema de venda de drogas na região.

Beltrami é acusado de cobrar propina dos traficantes para permitir o comércio de drogas no Morro da Coruja. Ele havia assumido o comando da do 7º Batalhão há três meses, seu antecessor, Cláudio Luiz de Oliveira era acusado de participar do assassinato da juíza Patrícia Acioli.

Djalma Beltrami era árbitro de futebol até o meio deste ano, quando decidiu se dedicar exclusivamente à carreira policial. Uma das partidas mais marcantes em que ele atuou foi na Série B de 2005, entre Náutico e Grêmio, que ficou conhecida como a ‘Batalha dos Aflitos’.