Publicado em: sexta-feira, 18/06/2010

Estudantes bloqueiam entrada da USP

A Universidade de São Paulo (USP) teve mais uma manhã de tumultos na quinta-feira (17), quando estudantes bloquearam a entrada da instituição.

O Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintrusp) fechou a entrada da universidade por volta das 7 horas, com correntes e cadeados. Cerca de 40 manifestantes participaram do ato, que contou com o acompanhamento da polícia militar.

Os servidores da universidade reivindicam o pagamento de salários, qiue foram descontados daqueles que estão em greve. Aproximadamente mil funcionário da USP tiveram seus pagamentos suspensos desde que iniciaram a paralisação.

O Sintrusp optou pela greve desde o dia 5 de maio, o representante dos trabalhadores pede reajuste salarial de 16%. A reivindicação foi ignorada pelo governo estadual, e além da USP, Unicamp e Unesp também aderiram parcialmente à greve.