Publicado em: terça-feira, 24/07/2012

Estudante brasileira cai de penhasco e morre no Peru

Paula Sibov, estudante de medicina de 24 anos, caiu em um penhasco no Vale do Calca, localizado próximo a Arequipa, no sul do Peru, e faleceu no último domingo (22). A brasileira estava fazendo uma trilha em cima de uma mula. No momento do acidente, a jovem passava por uma estrada de pedras que tinha largura para a passagem de três pessoas. De acordo com os amigos que estavam juntos, Rafael Magnani, 25 anos, e Lilian Marçal, também de 25, os guias que os acompanhavam disseram que a mula escorregou no caminho e caiu.

Paula ainda rolou de 50 a 100 metros até cair no penhasco. De acordo com os guias de Turismo do local, a queda possui uma altura de 20 a 70 metros. Os amigos tinham contratado a empresa South American Explorers para realizarem a trilha. O trio saiu no sábado de Arequipa e viajaram de van até o Vale do Colca. Neste local, eles fizeram uma trilha de aproximadamente três horas para poderem dormir em uma cabana. Às 6h do domingo eles voltaram para o caminho.

Acidente

Os amigos que estavam com Paula afirmaram que a jovem tinha problemas de asma e ela estava muito cansada depois da trilha de sábado. Rafael Magnani conta que o percurso é bastante cansativo e eles não foram avisados sobre isso. Rafael e Lilian aguardavam pela amiga no final da trilha, foi quando um dos guias turísticos chegou até eles para comunicar sobre o acidente.

Os jovens contam que o guia omitiu informações, pois disse que o animal tinha despencado do penhasco e Paula havia rolado. Os estudantes acreditavam que a amiga tivesse somente quebrado a perna. O corpo de Paula foi resgatado com a ajuda de um profissional de rapel e levado para Chivay na tarde de domingo. O corpo da estudante deve chegar a São Paulo na quinta-feira (26).