Publicado em: sexta-feira, 12/09/2014

Especialistas alertam que não é preciso parar de comer alimentos com glúten para emagrecer

Especialistas alertam que não é preciso parar de comer alimentos com glúten para emagrecerHá pessoas que não ingerem alimentos com glúten porque tem intolerância e se sentem mal. Porém, há quem faz isso por opção, porque querem emagrecer. O cirurgião responsável pelo aparelho digestivo, Fábio Atui e a gastroenterologista e pediatra Vera Lúcia Sdepanian afirmam que o glúten não faz mal para a saúde e não deve ser evitado na alimentação por pessoas que não tem intolerância ou nenhum outro problema com ele.

Segundo eles, as únicas pessoas que devem cortá-los da refeição por uma recomendação médica, são os que tem dermatite herpetiforme, uma doença autoimune que é causada especificamente pela intolerância ao glúten, assim como as que possuem alergia ao trigo e as que tem doença celíaca.

Atui ainda explica que, no caso dos celíacos tem intolerância permanente ao glúten e o a única forma de tratamento é isentar a substancia a vida toda. Se caso o paciente consumir algo que contenha glúten, ele pode sofrer consequências, como uma reação imunológica no intestino delgado, impedindo a absorção dos nutrientes.

Dieta equilibrada

A doença pode ou não apresentar os sintomas, contudo, é recomendado mudar a alimentação somente depois de um diagnóstico definitivo. O problema está nas pessoas que cortam o glúten porque acreditam que assim irão perder peso. Deixam de comer pães, bolos e bolachas por exemplo. Mas, assim que retiram esses alimentos da alimentação, a pessoa pode até chegar a emagrecer, entretanto isso não significa que o glúten é o responsável pela perda de peso, o que na realidade acontece, é que ela começa a ingerir alimentos mais saudáveis e não porque parou de comer glúten. O recomendado pelos médicos, é que uma pessoa consiga manter uma dieta equilibrada, consumindo glúten de forma moderada.