Publicado em: quarta-feira, 01/08/2012

Escritor Gore Vidal falece nos Estados Unidos

Escritor Gore Vidal morre nos Estados UnidosGore Vidal, um importante roteirista, escritor, romancista e ensaísta dos Estados Unidos morreu nessa terça-feira, 31 de julho. A morte do escritor se deu em sua casa, localizada em Los Angeles, nos Estados Unidos. De acordo com as informações veiculadas pela imprensa internacional, que teriam sido dadas por familiares de Vidal, a morte se deu por conta de complicações em decorrência de uma pneumonia.

O escritor Gore Vidal é conhecido por ter sido o autor de obras importante como “Juliano, Apóstata” e “Hollywood”, entre outras. Em seu trabalho como roteirista de cinema, ele foi o responsável por escrever os textos de obras como “Calígula”, de 1979, e de “Paris Está em Chamas?”, de 1966.
Além disso, Gorel Vidal também obteve êxito em sua carreira escrevendo peças de teatro. Apesar de ter sido candidato ao Nobel de Literatura, ele nunca conquistou o prêmio de fato. No ano de 1993 ele levou o Prêmio Nacional do Livro dos Estados Unidos por ter feito um ensaio com o nome “United States essays, 1952-1992.

Vale lembrar que o escritor era primo de Al Gore e meio irmão de Jacqueline Kennedy. Junto com Norman Mailer, Noam Chomsky e Susan Sontag, Gorel Vidal era considerado um dos intelectuais que eram críticos à política adotada oficialmente pelos Estados Unidos. Além disso, ele era considerado como um dos melhores escritores de todos o país, ao lado de Truman Capote e de Norman Mailer.

Na linha de livros que foram produzidos por Vidal, estão romances históricos, sátiras que falavam sobre o modo de vida levado pelos norte-americanos, além de obras voltadas para a ficção científica.

Já na política, Gore Vidal teve uma carreira frustada. Nos anos 60, ele tinha um papel ativo no Partido Democrata e tentou ser congressista pelo estado de Nova York, mas não conseguiu o posto. Em 1982 ele tentou conquistar uma vaga de senador, mas não conseguiu, mesmo tendo obtido mais de 500 mil votos.