Publicado em: segunda-feira, 07/05/2012

Escola chinesa dá injeção em alunos para melhorar rendimento

Ter um filho dedicado e que se dê bem nos estudos é o sonho da maioria dos pais em qualquer parte do mundo. Desde pequenos, são colocados em boas escolas a fim de garantirem um futuro melhor e conquistarem a profissão que desejam. Em um mercado profissional tão competitivo como o atual, se dedicar aos estudos desde criança é imprescindível para ter o sucesso esperado.

No entanto, nem sempre este esforço é suficiente, e alguns acabam buscando na medicina formas de melhorar a concentração e o aproveitamento das matérias. Muitos pais encaminham os filhos para médicos especializados na tentativa de encontrarem soluções para os problemas que cada um enfrenta dentro da escola. Principalmente em período de vestibular, os estudantes tendem a se dedicarem muito mais, pois o processo seletivo é duro para os que desejam entrar na faculdade.

Polêmica chinesa

Na China, um experimento médico tem causado polêmica. Os alunos do país estariam sendo submetidos a injeções intravenosas. Com esta medicação, os estudantes aumentariam o rendimento escolar e isso ajudaria nas provas do vestibular. Este tipo de experiência é um costume chinês, no entanto, as injeções têm causado discussões.

A escola que estaria fazendo uso da medicação está localizada em Xiaogang. As injeções aplicadas nos estudantes possuem aminoácidos, o que faria com que os alunos tenham mais energia. As aplicações seriam feitas na própria sala de aula, e os profissionais de saúde teriam afirmado que não faria mal aos estudantes.