Publicado em: sexta-feira, 28/02/2014

Entorno do Beira-Rio preocupa FIFA

Entorno do Beira-Rio preocupa FIFAO novo Beira-Rio foi inaugurado no último dia 15, quando o Internacional goleou a equipe do Caxias por 4 a 0. A partida serviu como um dos eventos-teste necessários ao estádio. Por isso, apenas dez mil torcedores compareceram à partida.

Apesar de alguns problemas de organização, o estádio foi bastante elogiado. Os principais problemas apresentados disseram respeito ao comportamento da torcida organizada do Internacional, que se recusou a assistir sentada ao jogo – todos os estádios da Copa do Mundo têm cadeiras numeradas.

Contudo, apesar de estar tudo certo com o estádio para a realização da Copa do Mundo, o entorno do Beira-Rio ainda é motivo de preocupação para a FIFA, devido aos prazos dados para a realização de projetos de urbanização e pavimentação na região próxima ao estádio.

Prazos

Nesta quarta-feira, 26 de fevereiro, foi divulgado que o edital de licitação para as obras do entorno do estádio do Internacional prevê que as obras sejam concluídas em quatro meses. Contudo, neste período, a Copa do Mundo já estará acontecendo. No momento, os administradores do Beira-Rio sequer sabem qual será a empreiteira que tocará os projetos adiante.

Na última semana, durante visita de Jérôme Valcke, secretário geral da FIFA, ao Brasil, foram feitas diversas críticas ao entorno do Beira-Rio. De acordo com Valcke, ainda há muito que ser feito nas adjacências do estádio.

Responsabilidades

A reforma do Beira-Rio foi realizada pela empreiteira Andrade Gutierrez. Contudo, as obras no entorno do Beira-Rio são de responsabilidade do poder público e do próprio Internacional. Após a conclusão das obras dentro do estádio, começaram a surgir publicamente alguns problemas de ordem burocrática, no que dizia respeito às responsabilidades sobre o entorno do Beira-Rio.

De acordo com a prefeitura de Porto Alegre, ainda nesta semana será publicado um novo edital de licitação para estas obras. Com isso, há a expectativa de que o prazo seja ainda mais reduzido, para que tudo fique pronto a tempo do início do Mundial. Esta, entretanto, é uma possibilidade remota. Tudo aponta para que Porto Alegre esteja em obras ainda durante a realização da Copa do Mundo.

O estádio do Beira-Rio receberá sua primeira partida da Copa do Mundo no dia 15 de junho, três dias após a abertura do Mundial. O jogo marcado para o dia 15 será entre França x Honduras. Além desta partida, o Beira-Rio também receberá as partidas entre Austrália x Holanda, Coreia do Sul x Argélia e, no dia 25 de junho, Nigéria x Argentina. O estádio também terá uma das partidas da fase de oitavas de final.

Estruturas temporárias

Além de lidar com os prazos das obras do entorno do Beira-Rio, a administração do estádio também precisa resolver a questão das chamadas estruturas temporárias para a Copa do Mundo. As estruturas terão custo de R$30 milhões, que serão divididos entre o Internacional e a prefeitura da cidade. Contudo, a parcela do dinheiro público para as obras ainda não foi disponibilizada, pois aguarda aprovação de um projeto de isenção fiscal, que será votado em breve em caráter de urgência.