Publicado em: terça-feira, 18/10/2011

Enem – Aluno consegue estudar sem deixar de se divertir

A prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está quase chegando e é nesse momento que os candidatos ficam mais apreensivos. Na cabeça de cada jovem estudante estão preocupações com a prova, se estudou tudo, se é hora de tirar dúvidas, se nesta semana deve estudar como nunca. O aluno Rafael Santiago, de 17 anos, está tranquilo, pois tem uma receita equilibrada para ter sucesso na prova.

Rafael vai cedo para a escola, às 7h já está na aula e assiste a muitas até a hora do almoço, quando volta de bicicleta para casa. Depois do almoço, tira um cochilo e vai estudar. Ele fica três horas seguidas em cima dos livros e afirma que mais do que isso não tem mais concentração. Ele estuda nos lugares que se sente mais confortável, pode ser na cama, na rede ou fazendo provas on-line.

Depois dos estudos, Rafael larga os livros e pega os instrumentos que ainda está aprendendo a manusear. Percussão e violão foram herdados do tio e do avô. Ele lê sobre as bandas que mais gosta, ouve CDs e discos e tenta repetir os acordes. Rafael afirma que isso é uma terapia e o ajuda a relaxar. Poucos antes da hora de dormir, o estudante ainda vai malhar. Para ele é preciso exercitar não somente a cabeça, mas também o corpo. Existem noites que Rafael também sai com os amigos, e vestibular é um tema proibido nas festas.

Com a rotina que criou para si, o estudante equilibra os estudos e a diversão. Dessa forma ele se prepara para concorrer a uma vaga para engenharia civil em alguma das universidades públicas do estado de Pernambuco. Ele afirma que estuda sempre, mas também não deixa de fazer o que aprecia.