Publicado em: sexta-feira, 28/10/2011

Enem 2011 – Escola diz que questões podem ser de pré-teste

Na tarde de quarta-feira (26), o Colégio Christus, de Fortaleza, no Ceará, emitiu uma nova aonde age que é “impossível” conseguiu verificar as prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) antes que elas sejam aplicadas. O colégio está sendo acusado de distribuir uma apostila com13 questões idênticas às do exame que foi aplicado neste final de semana.

Entretanto, a escola disse em nota que as questões podem ser as do “pré-teste” aplicação pelo Enem em outubro de 2010. “Existe a possiblidade” que tais questões possam ter caído em domínio público antes da prova ser aplicada oficialmente e ainda estarem disponíveis no banco de dados de outros colégios. “O colégio Christus verificou que há evidências de que as questões em discussão foram objeto de pré-testes efetivados para o Enem entre os anos 2009 e 2011”, alega.

O Ministério da Educação confirmou que a intuição foi uma das selecionadas a participar do pré-teste do Enem. Na época, foram selecionados estudantes de diversas instituições de ensino do país para verificar a aplicabilidade das questões e ainda selecionar quais são as fácies, médias e difíceis. O MEC utiliza este formato para compra a Teoria de Respostas ao Item (TRI), uma ferramenta usada para identifica o valor de ada questões e a pontuação média dos participantes.

O diretores do Colégio Christus, Davi Rocha, afirma que as questões aplicada na apostila coincidem com as do banco de ados do colégio, que é composto por documentos de professores, estudantes e colaboradores. Ele comentou que devido ao grande volume de questões é possível que algum colaborador tenha anexado taus questões ao banco de dados.