Publicado em: sexta-feira, 04/11/2011

Enem 2011 – AGU envia recurso contra anulação de questões

A viagem do ministro da Educação, Fernando Haddad, para Recife, onde deveria participar de uma audiência junto ao desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima, presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5), não aconteceu, porém a Advocacia Geral da União (AGU) enviou no final da tarde desta quinta-feira (3) o recurso elaborado pelo Ministério da Educação que vai contra a medida da Justiça Federal do Ceará que anulou 13 questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2011.

O ministro deveria se apresentar ao magistrado para mostrar os seus argumentos contra a decisão de cancelar as questões que foram antecipadas pelo Colégio Christus, de Fortaleza. De acordo com a assessoria de imprensa do TRF-5, Oliveira Lima está viajando.

O MEC defende que o problema do vazamento das questões foi um problema pontual. A sua tese afirma que a melhor solução seria cancelar somente as 13 questões dos 639 candidatos inscritos pelo colégio ou ainda cancelar a proa destes estudantes, fazendo com que eles precisassem refazer a prova.

O governo federal ainda alega que anular 13 questões de 180 vai prejudicar todos os outros estudantes que também participaram do Enem em todo o Brasil.