Publicado em: quinta-feira, 14/07/2011

Enade 2011: Inep divulga conteúdos para as provas do Enade

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou nesta quarta-feira (13) quais serão os conteúdos que devem ser cobrados nas provas dos cursos tecnológicos a serem avaliados pelo Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) este ano. O exame será realizado no dia 6 de novembro, a partir das 13h (horário de Brasília). O instituto ainda não divulgou o que será cobrado para os cursos de graduação.

As portarias publicadas no Diário Oficial da União indica que a prova de formação fera, comum a todos os cursos que estão sendo avaliados, são compostas por dez questões, sendo oito de alternativa múltipla escolha e duas discursivas. Os temas abordados na prova podem ser: arte e cultural, relações de trabalho,vida urbana e rural, violência, entre outros.

O Inep também divulgou os temas específicos de cada área que será avaliada. Os assuntos são os seguintes: tecnologia de alimentos, tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas, tecnologia em automação industrial, tecnologia em construção de edifícios, tecnologia em fabricação mecânica, tecnologia em gestão da produção industrial, tecnologia em manutenção industrial, tecnologia em processos químicos, tecnologia em redes de computadores e tecnologia em saneamento ambiental.

As inscrições de todos os estudantes para o Enade são responsabilidade das instituições de ensino. Elas devem preencher as fichas entre os dias 18 de julho a 19 de agosto. Nesta edição, o Enade vai avaliar os cursos de arquitetura e urbanismo, engenharia, biologia, ciências sociais, computação, filosofia, física, geografia, história, letras, matemática, química, pedagogia, educação física, artes visuais e música. Alunos de cursos técnicos como tecnólogo em alimentos, construção de edifícios, automação industrial, gestão da produção industrial, manutenção industrial, processos químicos, fabricação mecânica, análise e desenvolvimento de sistemas, redes de computadores e saneamento ambiental também devem participar da avaliação.