Publicado em: sexta-feira, 21/02/2014

Empresa de Taiwan investe em “smartphone popular” para garantir lucratividade

Empresa de Taiwan investe em “smartphone popular” para garantir lucratividadeO avanço dos smartphones com configurações medianas e preços acessíveis se mostra uma solução prática na busca de fabricantes por lucros mais garantidos. A HTC, de Taiwan, usará esta estratégia em 2014, após dois anos de vendas fracas e queda da imagem da companhia no mercado.

A disputa com gigantes do mercado, como Apple e Samsung, fez com que os últimos 27 meses tivessem queda brusca na receita na comparação dos anos. Em janeiro, por exemplo, a redução nas vendas chegou a 38% em relação ao mesmo período do ano anterior, o que representou uma redução de US$ 319 milhões.

Para garantir crescimento nas margens de lucro bruto, o mix de produtos terá como carro-chefe aparelhos de baixo custo para consumidores de renda mais baixa já a partir do segundo trimestre. Eles responderão pela maior parte da receita, juntamente ao HTC One, principal aparelho da companhia.

LG amplia gama de aparelhos intermediários

Após o lançamento do Motorola Moto G no final de 2013 elevou o nível dos smartphones intermediários, por ser um aparelho de baixo custo, mas configuração competitiva com gadgets mais avançados. Para manter o nível de competição, a LG anunciou três novos smartphones da terceira leva da Série L.

O L90, o L70 e o L40 são as apostas de aparelhos mais econômicos em 2014. A empresa sul-coreana, entretanto, manteve um padrão apenas razoável de hardware, mas suficiente para rodar com Android KitKat.

Sucesso entre os consumidores, as séries L1 e L2 motivaram a renovação da linha, e a companhia espera que o novo design, além da configuração compatível com o novo Android 4.4 coloquem a LG na liderança dessa fatia de mercado.