Publicado em: quarta-feira, 14/03/2012

Empregadores brasileiros estão otimistas com contratações, revela pesquisa

De acordo com uma pesquisa divulgada ontem pela consultoria internacional de recursos humanos, alguns setores trabalhistas, como de serviços e da administração pública, devem ter alta nas contratações no próximo trimestre de 2012.

Essa alta influenciou ainda o otimismo do Brasil com relação a novas contratações. A pesquisa revelou que o país está em segundo lugar, apenas atrás da Índia. 41 países de todo o mundo participaram da pesquisa e na América, o Brasil está em primeiro lugar. Foram ouvidas 65 mil empresas em todos os países, sendo que no caso brasileiro participaram 850 empregadores. Destes apenas 6% disseram que haverá retração nas contratações. Os demais concordaram que o setor deve expandir nos próximos meses.

Brasil expande expectativa de contratações

A pesquisa mostrou que a expectativa liquida de contratações é de 55% no Brasil. Se comparado com o primeiro trimestre, é 10% a mais do que a pesquisa anterior revelou. Um número ainda mais elevado é apresentado pelo setor de administração pública e educação. A estimativa é de um aumento de 46%, o que equivale a 16% a mais que nos três primeiros meses do ano. A expectativa na área da construção também mostra otimismo em relação ao primeiro trimestre, pois serão 4% a mais de contratações esperadas. Agora o percentual é de 40%, sendo que na pesquisa anterior não ultrapassava 36%.

Apesar do crescimento apresentado nestes setores, há alguns que apresentaram retração ou baixa expectativa. É o caso de transportes e serviços públicos em que a estimativa diminui 12% em relação ao primeiro trimestre, passando de 31% para 19%. Em segundo lugar está o setor industrial que terá crescimento de 21% em relação ao primeiro trimestre, mas ainda assim é o segundo com menor crescimento estimado entre os oito setores pesquisados.