Publicado em: segunda-feira, 14/11/2011

Emerson Leão pede que Luiz Fabiano e Ceni se esforcem até o fim do Brasileiro

O treinador do São Paulo, Emerson Leão, conquistou sua primeira vitória sob o comando da equipe no último sábado, contra o Avaí. Para esse resultado as defesas importantes de Rogério Ceni e os dois gols marcados pelo atacante Luiz Fabiano foram essenciais. Porém, enquanto todos no clube comemoram as boas atuações, Leão diz que o desempenho não foi nada além do que ele próprio esperava.

Leão acredita que os dois ídolos da torcida tricolor recebem salários altos o suficiente para suportar qualquer tipo de problema. Por isso, o treinador tenta minimizar as dores que o capitão do time sentiu no tornozelo e que o deixaram de fora por dois jogos e ainda incomodam o goleiro. O comandante do São Paulo disse que Rogério vai “empurrar com a barriga” suas dores no tornozelo para se recuperar no ano que vem.

Já sobre Luís Fabiano, Leão acredita que o atacante pode fazer um esforço maior para aguentar as quatro partidas restantes e se dedicar a melhorar seu desempenho para 2012. O treinador acredita que o ídolo são-paulino tem grandes chances de se tornar um goleador em 2012.

O atacante tentou trocar a falta de explosão pelo oportunismo ao fazer os dois gols da vitória sobre o Avaí. Mas, enquanto o goleiro do São Paulo preferiu não dar entrevistas, Luís Fabiano achou melhor se posicionar e tentar aliviar a pressão sobre os jogadores que são mais cobrados, inclusive ele. O craque afirmou que ele e Rogério não conseguem ganhar nada sozinhos e precisam da ajuda de todos, torcida e companheiros de time, para que os resultados possam sair.