Publicado em: domingo, 17/06/2012

Dilma Rousseff vai para o México encontrar com líderes do G20

A presidente Dilma Roussef e outros líderes das vinte principais economias de todo o mundo se encontraram no México para uma reunião da cúpula do G20. O encontro acontece na segunda-feira (18) e terça-feira (19) na cidade mexicana de Los Cabos. Um dos assuntos que serão discutidos nessa reunião será a crise da dívida na zona do euro.

O encontro dos líderes das vinte maiores economias mundiais irá acontecer depois da eleição na Grécia, que está acontecendo nesse domingo (17) e que determina se o país irá continuar azendo parte ou não da zona do euro. Assim como vem ocorrendo em toda a Europa, esse deverá ser o principal assunto também na reunião do G20.

Outro assunto que deverá ser discutido na ocasião deve ser o progresso em relação a obtenção de novos recursos para o Fundo Monetário Internacional, o FMI. Em abril deste ano, os países que fazem parte do G20 já tinham concordado que era necessário que o caixa do FMI fosse reforçado com 430 bilhões de dólares. Recentemente, o porta-voz da instituição declarou não haver nenhum tipo de retrocesso ou atraso na obtenção das doações para que esse valor seja atingido.

Em troca de recursos, os países que integram o Bric (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) querem ter maior participação nas decisões do Fundo Monetário Internacional. Esse assunto ainda tem muita resistência dos países que podem vir a perder espaço nas decisões tanto do FMI, como do Banco Mundial.

A presidente brasileira ainda se encontrará com o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, em uma reunião paralela à cúpula do G20. Rajoy também se encontrará separadamente com os chefes de estado da Rússia, Vladimir Putin, e da China, Hu Jintao.