Publicado em: terça-feira, 11/06/2013

Dilma perdeu popularidade

Dilma perdeu popularidadeA aprovação do governo da presidente Dilma Rousseff caiu de patamar oito pontos, o menor valor desde 2012, mesmo assim ela ainda lidera as intenções de voto para as eleições em 2014, com 51% das intenções de voto. A pesquisa foi feita pelo Instituto Datafolha na última semana.

Os dados desta pesquisa em popularidade apontam que 57% da população está considerando bom ou ótimo o governo da presidente do partido petista. Anteriormente, no mês de março, este índice era de 65% de aprovação.

Primeira vez que houve uma significativa queda em popularidade no governo da presidente Dilma desde seu início, no começo de 2011. Quem acredita que o seu governo tem um patamar regular foi de 27% para 33% e aqueles que apontam a sua gestão ruim e até péssima subiu de 7% a 9%.

Ainda segundo os dados revelados com a pesquisa, Dilma perde popularidade em todas classes sociais, faixas etárias, sexos e regiões do Brasil. Os brasileiros mostram pessimismo no que tange a desaceleração econômica, mostram-se preocupados com desemprego e com a inflação, de acordo co a Datafolha.

Ainda, 51% dos pesquisados acreditam que a inflação subirá. No último ano a inflação de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), chegou ao teto determinado pelo governo, de 6,5%. A alta foi de 0,37% no mês de maio, ficando em 0,18 abaixo do índice do mês de abril, que foi de 0,55%.

Eleições 2014

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) aumentou quatro pontos em intenção de votos e ficando lado a laço com a ex-senadora Marina Silva, que agora sustenta o ideal de criar um novo partido político.

De acordo com pesquisa feita com 3.758 pessoas que foi publicada na Folha de São Paulo este fim de semana, o tucano Aécio tem 14% das intenções e Marina continua em segundo lugar, com 16%. Tecnicamente, empatados.