Publicado em: terça-feira, 01/11/2011

Dilma participará de Cúpula do G20 na França

A presidente Dilma Rousseff chega hoje em terras francesas, onde irá participar na reunião da Cúpula do G20, que congrega as 20 maiores economias mundiais. A reunião acontecerá em Cannes, no interior da França. Dilma deve referir-se a crise, indicando que os países devem buscar políticas inclusivas para combatê-la, além de investimentos em criação de empregos e renda e da suspensão de atos protecionistas.

Em sua fala, Dilma deve afirmar que o Brasil está disposto a ajudar na procura por soluções para os efeitos da crise. A presidente deve ressaltar que as decisões tomadas não podem afetar a estabilidade dos demais países. Para o governo do Brasil, esta crise começou nos Estados Unidos e mais tarde atingiu para a Europa. Sendo assim, não deve interferir nos demais da mesma maneira.

A presidente também deve dizer sobre a procura alternativa de desenvolvimento econômico sustentável. Essas possibilidades serão discutidas na Conferência Rio+20, que acontecerá no próximo ano, no Rio de Janeiro, entre os dias 28 de maio a 6 de junho. O governo acredita que esta conferência será a maior na questão de desenvolvimento sustentável, preservação ambiental e economia verde.

A presidente Dilma está participando pela segunda vez da Cúpula do G20. Em novembro do ano passado, ela foi na companhia do então presidente Luiz Inácio Lula de Silva. Dilma foi apresentada as demais autoridades, como Barack Obama e Nicolas Sarkozy, como a “futura presidenta do Brasil”.