Publicado em: quarta-feira, 14/05/2014

Dilma afirma que crise de abastecimento é falta de planejamento do partido responsável

Dilma afirma que crise de abastecimento é falta de planejamento do partido responsávelNessa terça-feira (13), a presidente Dilma Rousseff visitou as obras do projeto de integração do rio São Francisco na Paraíba e garantiu que é possível planejar e investir para que o problema da escassez de água possa ser resolvido, a situação é enfrentada pelo Estado de São Paulo, governado pelo PSDB, o senador Aécio Neves, seu principal adversário nas eleições este ano.

“O governo federal, junto com a região toda, os governadores dessa região, prefeitos e lideranças, nós planejamos, nós estamos investindo para garantir que não seja uma surpresa para nós a falta de água, porque você pode planejar e impedir a falta de água”, diz Dilma durante a visita ao túnel Cuncas 2, em São José das Piranhas (PB). Ela ainda completa dizendo: “O São Francisco é o rio que beneficia mais a população nordestina e que vai garantir uma diferença de qualidade, principalmente quando nós estamos vendo hoje uma situação muito difícil sendo passada no Estado mais rico da federação, que é São Paulo, que é a falta de água no reservatório da Cantareira”.

Antecessores do PT

A presidente não hesitou em criticar os governos anteriores aos do PT como ela tem feito constantemente nos últimos discursos. Ela acredita que as obras de deslocamento do São Francisco começaram a dar resultados somente sob o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e os que foram contra o governo, não contribuíram com investimentos quando estava à frente do partido.

“Acontece uma coisa engraçada no Brasil. Quem nunca fez, desanda a cobrar de quem fez. É isso que nós estamos assistindo. Gente que nunca fez quando pôde cobrar de quem está fazendo quando pode”, ressalta. De todos os lugares afetados, a região metropolitana de São Paulo enfrenta a pior crise hídrica desde foi criada o Sistema Cantareira, que na década de 1970, era o principal responsável pelo abastecimento na região.