Publicado em: sábado, 01/03/2014

Desempenho ruim da Red Bull equilibra Formula 1

Desempenho ruim da Red Bull equilibra Formula 1A temporada de 2014 da Formula 1 vai apresentar uma série de mudanças no regulamento e na configuração dos veículos. Neste último quesito, uma das alterações mais importantes foi a mudança na potência dos motores, que passaram de V8 para V6. Com isso, as equipes precisam correr contra o tempo para se adaptar rapidamente à nova condição e, assim, sair na frente das concorrentes quando a temporada se iniciar.

Pré-temporada

Se depender do que está sendo apresentado na pré-temporada, a Formula 1 em 2014 deve ser muito mais equilibrada do que nos anos anteriores, quando tivemos um domínio total da Red Bull. Até o momento, a equipe austríaca vem encontrando dificuldades de ajuste em seus carros, equipados com motor Renault. Além da Red Bull, outras equipes que se utilizam de motores da montadora francesa têm encontrado problemas de adaptação.

Mercedes na frente

Por outro lado, os modelos que se utilizam de motores da Mercedes têm apresentado melhor desempenho durante a pré-temporada. Com isso, as equipes Force India, McLaren, Williams e a própria Mercedes estão se revezando na liderança dos treinos. Na última quinta-feira, a Force India liderou os testes com Sergio Perez. Em janeiro, Felipe Massa, com a Williams, chegou a ser o mais rápido durante a fase de testes em Jerez de la Frontera, na Espanha.

Contudo, até o momento, é a própria Mercedes quem tem se mostrado melhor nos treinos. De acordo com especialistas, se a temporada começasse hoje, a equipe certamente seria a favorita ao título. Além do motor, o projeto do novo modelo da equipe tem sido muito elogiado.

Chances de Massa

A troca de equipes foi muito benéfica para o brasileiro Felipe Massa. Na Ferrari, o brasileiro era o eterno segundo piloto, estando sempre à sombra de Fernando Alonso nas últimas temporadas. Agora, entretanto, Massa tem plenas condições de disputar em pé de igualdade com Valtteri Bottas, seu novo companheiro de equipe. Além desta nova situação, Felipe também conta com um carro que apresentou ótimo desempenho no início da pré-temporada. Contudo, ainda é cedo para afirmar que Felipe Massa tem chances de título em 2014, mas o brasileiro certamente terá condições muito melhores de trabalho.

Red Bull

Líder absoluta nas últimas quatro temporadas, a Red Bull precisará trabalhar em dobro para se igualar aos rivais em 2014. O maior problema, até o momento, é a confiabilidade dos motores da Renault, que têm tido problemas constantes de superaquecimento. Sebastian Vettel, tetracampeão mundial com a equipe austríaca, já declarou que, a cada hora, um novo problema surge no carro.

Além da Red Bull, os motores da Renault também equipam Caterham, Lotus e Toro Rosso. Todas têm tido problemas semelhantes nos treinos. Para Christian Horner, chefe da Red Bull, uma das situações mais complicadas é a manutenção da Unidade de Recuperação de Energia (ERS). Até 2013, a própria Red Bull era responsável pelo desenvolvimento deste sistema. Contudo, nesta temporada, a Renault passou a cuidar do ERS.

A temporada de 2014 da Formula 1 começa no dia 16 de março. Seguindo a tradição, o GP da Austrália abrirá a temporada.