Publicado em: terça-feira, 23/08/2011

Declarado preso, filho de Kadafi aparece publicamente em hotel da cidade de Trípoli

Nesta segunda-feira (22) o filho supostamente capturado de Muammar Kadafi, Saif al-Islam, que seria herdeiro do governo do país, apareceu publicamente no Hotel Rixos, localizado na cidade de Trípoli, capital do país. Até então, os rebeldes haviam afirmado que al-Islam havia sido capturado e estava detido. Ao mesmo tempo, começaram a surgir boatos sobre a possibilidade de o próprio Kadafi ter fugido da Líbia. Porém, al-Islam garante que o ditador está em Trípoli.

Com transmissão veiculada pela rede de televisão norte-americana CNN, o filho do presidente da Líbia declarou que a notícia sobre a sua apreensão não passou de um golpe orquestrado pelos rebeldes. O repórter da emissora que estava de plantão, Matthew Chance, afirmou que um veículo Land Cruiser saiu de dentro do hotel com al-Islam em seu interior. Quando os jornalistas começaram a bater nos vidros do carro, o filho de Kadafi abriu a porta.

Da mesma maneira como a comunidade internacional já demonstrou sanções com relação a maneira como Kadafi conduziu as repressões contra as manifestações rebeldes, al-Islam é procurado pelo Tribunal Penal Internacional sob acusações de crimes contra a humanidade. Porém, as imagens desta segunda-feira mostram al-Islam comemorando junto ao povo líbio em Trípoli pela permancência de Kadafi no regime.

Em coletiva de imprensa concedida no quartel-general de Kadafi, al-Islam afirmou que “Trípoli esta sob nosso controle. Todo mundo pode ficar tranquilo. Tudo está bem em Trípoli.” Além disso, o herdeiro do governo também declarou que as forças de segurança líbias “dominaram os rebeldes” e as informações sobre sua prisão não passavam de um “truque”.