Publicado em: segunda-feira, 10/11/2014

Dançar faz bem para saúde e pode servir de tratamento para doenças

Dançar faz bem para saúde e pode servir de tratamento para doençasPara algum hobby, para outros, profissão, mas nos dois sentidos a atividade como exercício físico é muito benéfico para a saúde, assim explica a professora de dança Tati Sanchis e a médica do esporte Fernanda Lima. Além de ser uma atividade divertida, dançar queima calorias, age contra o estresse e ainda aumenta a sensação de bem-estar. O ritmo também pode influenciar no condicionamento muscular, fazer bem ao coração e também melhorar o alongamento, flexibilidade, concentração, equilíbrio e coordenação motora. De acordo com a médica do esporte, o equilíbrio melhora porque dançando, a pessoa consegue trabalhar braços e pernas ao mesmo tempo, além de também pensar no espaço que usa no momento, o que automaticamente ativa o cérebro.

Por isso, a dança pode ser ótima principalmente para os idosos, reduzindo o risco de quedas, que são comuns por conta das doenças como a osteoporose. Fora todos esses benefícios, em poucos minutos de exercício, ainda é possível fazer com que a respiração e a frequência cardíaca aumentem, auxiliando a queima de gordura. A médica ainda completa dizendo que a dança movimenta diversos músculos do corpo, sendo uma combinação de muitos exercícios, como os aeróbicos e os de resistência.

Sem restrições

Os especialistas afirmam também que a dança é uma atividade democrática, podendo ser praticada por qualquer pessoa. Ela pode servir como forma de tratamento para doenças, como câncer de mama, mal de Parkinson e até mesmo em pacientes com sequelas de AVC, ressalta a médica do esporte Fernanda Lima. Pessoas que possuem colesterol alto e diabetes, também podem obter melhoras na doença, se fizerem um tratamento correto, praticando atividade e sendo acompanhada por algum especialista.