Publicado em: segunda-feira, 12/12/2011

CSKA afirma que não irá dificultar saída de Vagner Love

O diretor de futebol do CSKA, Roman Babaev, afirmou nesta segunda-feira (12) que não irá dificultar a saída do atacante Vagner Love. O dirigente do clube russo reconheceu que o jogador deseja voltar a atuar no Brasil.

Entretanto, Babaev fez uma ressalva sobre a possível transferência de Love. O atacante só será liberado pelo clube russo somente em caso de uma oferta brasileira ‘decente’. O diretor assegurou que até o momento o CSKA não foi procurado por nenhuma equipe brasileira.

O aspecto financeiro é apontado como o principal entrave para Vagner Love retornar ao futebol brasileiro. No meio do ano o Flamengo chegou a oferecer 14 milhões de euros por 70% dos direitos federativos do jogador, pagos em parcelas, e não foi atendido pelos russos.

O Grêmio é uma das equipes que já afirmou que iria entrar na briga pelo jogador, mas também esbarra no alto valor exigido pelos russos, cerca de R$ 30 milhões. O Flamengo chegou a sinalizar que fará uma ‘última tentativa’ em adquirir Vagner Love.