Publicado em: sexta-feira, 21/03/2014

Cruzeiro 2 x 2 Defensor: Raposa tropeça e se complica na fase de grupos da Libertadores 2014

Libertadores 2014Com o apoio de 39.983 pagantes, o Cruzeiro não passou de um empate por 2 a 2 com o Defensor, do Uruguai, na última quinta-feira (20), no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. Dessa forma, a Raposa se complicou na fase de grupos da Taça Libertadores da América e ocupa a terceira posição do Grupo 5, com quatro pontos ganhos. Já o time uruguaio está na vice-liderança da chave, com sete pontos conquistados, dois atrás da Universidad de Chile.

Diante de quase 40 mil espectadores, a Raposa tentou pressionar no início da partida, diante de um adversário bem postado defensivamente. Logo aos 11 minutos de jogo, Gino recebeu na área, bateu cruzado e Fábio espalmou para escanteio. No minuto seguinte, Everton Ribeiro puxou contra-ataque e passou para Ricardo Goulart, que chutou de longe, Campaña espalmou. Aos 34 minutos, Dedé lançou Dagoberto na ponta esquerda, o atacante cortou para o meio da área e chutou na rede pelo lado de fora.

No final da primeira etapa, aos 42 minutos, Felipe Gedoz cobrou falta no canto esquerdo rasteiro e Fábio espalmou. Já nos acréscimos, após as expulsões de Matias Malvino e Nilton, Everton Ribeiro cobrou falta com categoria e abriu o placar, Cruzeiro 1 a 0.

Assim como no primeiro tempo, a Raposa começou a etapa complementar fazendo pressão, em um jogo que estava aberto para ambos os lados. Logo aos quatro minutos, Lucas Silva abriu para Everton Ribeiro, que chutou em cima de Campaña. Aos dez minutos, Everton Ribeiro passou para Ricardo Goulart no meio, e o meia bateu à esquerda do gol adversário. Sete minutos depois, Júlio Baptista recebeu na esquerda, abriu espaço e bateu no canto, Cruzeiro 2 a 0.

Cruzeiro perde chance, e Defensor ‘castiga’ o time da casa com empate no final

Mas aos 20 minutos, Arrascaeta passou por Dedé e abriu para Felipe Gedoz, que foi mais rápido do que Rodrigo Souza e bateu na saída de Fábio para diminuir, 2 a 1. Nove minutos depois, Willian cruzou do lado direito, Júlio Baptista deu linda bicicleta e a bola saiu com perigo, pra fora. Nos acréscimos veio o castigo para a Raposa. Aos 48 minutos, Luna recebeu de Arrascaeta e bateu forte, Fábio deu rebote e Zeballos mandou uma bomba, a bola bateu no travessão e entrou, 2 a 2.

Pela próxima rodada da Taça Libertadores da América, o Cruzeiro volta a campo no dia 3 de abril, contra a líder do Grupo 5, a Universidad de Chile, às 21 horas (horário de Brasília), no Estádio Nacional do Chile, em Santiago. Já o Defensor enfrenta o Real Garcilaso, do Peru, no dia 1ºde abril (terça-feira), no Garcilaso de la Vega, em Cuzco. Antes disso, porém, a Raposa encara o Boa Esporte neste domingo (23), às 18h30m, no Estádio Municipal de Varginha, pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro.