Publicado em: terça-feira, 11/09/2012

Cristóvão Borges deixa o comando do Vasco

Cristóvão Borges deixa o comando do VascoO Vasco da Gama terá que procurar um novo treinador. Isso porque na última segunda-feira (10) o técnico da equipe, Cristóvão Borges, pediu demissão. O agora ex-treinador não resistiu para a pesada derrota diante do Bahia por 4 x 0 em pleno estádio de São Januário. Cristóvão ficou um pouco mais de um ano no comando do cruz-maltino, quando assumiu o lugar de Ricardo Gomes, com problemas de saúde.

De acordo com o presidente do Vasco da Gama, Roberto Dinamite, a decisão da saída foi muito mais do próprio Cristóvão Borges do que da diretoria do clube. O então treinador foi quem pediu para sair e os dirigentes aceitaram o pedido. Com isso, o auxiliar técnico Gaúcho é quem comandará interinamente o clube carioca.

Para Cristóvão Borges, a atual situação do clube e os resultados recentes tornam mais do que necessária uma mexida no comando técnico para dar ânimo novo aos atletas. O ex-treinador disse ainda que a sua saída será mais benéfica para o Vasco da Gama do que a sua permanência no clube.

Cristóvão fez questão de ressaltar que trabalhar no Vasco foi a maior oportunidade de toda a sua vida e ele é muito grato por isso. O ex-técnico revelou também que conversou com Ricardo Gomes antes de tomar a decisão e ouviu para que ele continuasse. Roberto Dinamite descartou qualquer possibilidade de chamar Ricardo Gomes para treinar o time.