Publicado em: quarta-feira, 28/12/2011

Cristina Kirchner está com câncer na tireoide

A presidente argentina Cristina Kirchner está com um câncer na tireoide e, segundo informações do porta-voz da presidência, Alfredo Scoccimarro, ela deve passar por uma cirurgia no dia 4 de janeiro de 2012. O tumor maligno será retirado na operação e o câncer não se espalhou para os outros órgãos (ou seja, Cristina não apresenta metástase).

A presidente da Argentina fez exames de rotina no dia 22 de dezembro, e então a equipe médica “detectou um carcinoma papilar no lóbulo direito da glândula tireoide”. De acordo com o jornal “Clarín”, Cristina Kirchner fará a cirurgia no hospital Austral de Pilar e permanecerá de licença até o dia 24 de janeiro, em função dos procedimentos médicos.

Amado Boudou, o vice-presidente, assumirá o cargo durante a licença. Segundo “Clarín”, este câncer atinge mais as mulheres do que os homens, e as chances de recuperação e sobrevivência são superiores a 95%. Cristina Kirchner assumiu o cargo em 2010, depois da morte de seu marido e presidente do país, Néstor Kichner, que foi vítima de um ataque cardíaco.

Este ano, em outubro, Cristina Kirchner foi reeleita com mais de 53% dos votos para comandar a Argentina por mais quatro anos. Ela é a quinta líder de um país da América do Sul diagnosticada com câncer. Antes de Cristina, Fernando Lugo, do Paraguai, Dilma Rousseff, do Brasil, Hugo Chavéz, da Venezuela, e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já lutaram ou ainda lutam contra o câncer.