Publicado em: sexta-feira, 16/11/2012

Crepúsculo Amanhecer parte 2 – A saga termina e garante surpresas

Crepúsculo - Amanhecer parte 2Com a ideia de terem cumprido o seu dever cumprido, os atores Kristen Stewart (Bella), Robert Pattinson (Edward) e Taylor Lautner (Jacob) terminam o quinto filme da série Crepúsculo.

Feito com base nos quatro livros que a autora Stephenie Meyer escreveu, a saga é um fenômeno, tendo faturamento de bilhões de dólares em todo o mundo, que fez com que os três astros fossem transformados em ídolos, que agora ficaram órfãos por todo o planeta.

Bella, a jovem insegura e solitária que fica apaixonada pelo jovem bonito e misterioso do colégio ficou para no passado. Outra coisa deixada para trás foi o triângulo de amor vivido pela garota, pelo vampiro e o lobo, em Eclipse. Nesta produção, o objetivo é que a família que havia sido construída fosse salva.

Como ocorreu no filme anterior, Amanhecer – parte 1, a jovem quase não resistiu quando deu luz à filha Renesmee, feita na lua de mel do casal no Rio de Janeiro. Como ela era mortal, a criança quase devorou Bella por dentro. No final, restou que Edward fizesse com que ela fosse transformada em vampira, o que acabou com as chances do lobo.

Jacob, porém, passou pelo que Stephenie Meyer classificou como “imprinting” por Renesmee, que é vinculação vital e de amor que os lobos atravessam na vida. Desta forma, logo que vê o bebê, eles fazem o “imprinting”, que unido de maneira sentimental com a criança. A sorte dele é que a menina cresce de maneira acelerada, ficando adulta após poucos anos.

O que complica esta segunda parte, Amanhecer – Parte 2, porém, vive na Itália. A realeza vampírica Volturi, que é liderada por Ado (Michael Sheen), não sabem toda a história e apenas acreditam que o casal vampirizou um bebê, que é uma prática que a sociedade vampiresca abomina. Isto tem uma razão, as crianças que são vampiras não tem controle sobre si e poderão rapidamente expor a existência da raça.

Quando Alice (Ashley Greene), irmã do vampiro faz a previsão que os Volturi virão para assassinar todos como castigo deste crime, os Cullen saem por todo o planeta atrás de vampiros que possam ajudar. Vários clãs são encontrados, incluindo duas índias-vampiras brasileiras, que irão formar um exército para que enfrentem a realeza, da qual a poderosa Jane (Dakota Fanning) faz parte.

O filme garante surpresas para quem leu o livro e também para quem não leu, o que se pode dizer é que o diretor Bill Condon foi eficaz ao realizar as cenas de ação. Desta forma, os fãs da série vão poder saber qual é a força do poder de Bella, que é a maior curiosidade nesta produção.

Fora isso não poderia ficar de fora, momentos de memória, trazendo flashes sobre toda a série. Eles apontam a entrega de Bella para Edward, num sentimento que foi inspiração para jovem durante os cinco últimos anos. Assim como ocorreu com o fim da saga do menino Harry Potter, Crepúsculo poderá deixar fãs desolados durante um tempo.

Filme registra recorde na estreia e bilheteria deve ser a maior da saga

O último capítulo da série Crepúsculo denominado de Amanhecer– parte 2, teve recorde nacional de bilheterias em uma estreia, tendo sido registrado bilhateria de 1 milhão de pessoas em cinemas do Brasil, nesta quinta-feira (15) que foi o primeiro dia que foi exibido em todo o país. Mais de 1.200 salas lançaram a obra e na venda antecipada havia atingido a marca de 600 mil bilhetes.

Conforme aponta a distribuidora Paris Filmes, o objetivo é que o filme atinja os 10 milhões de espectadores, o que bateria o recorde da saga que foi marcada em Amanhecer parte 1, quando 7,1 milhão de pessoas assistiram ao filme no cinema.